feapesc sc
publicidade feapesc

Governo continua omitindo repasses da Seguridade Social no Fluxo de Caixa do INSS

Para apresentar o resultado financeiro da Previdência Social adota-se como informação padrão o Fluxo de Caixa do INSS. O Fluxo de Caixa do INSS é um balanço contábil e financeiro que apresenta todos os recebimentos e todos os pagamentos da Previdência.

 

Entretanto, o Governo Federal desvirtuou esse instrumento contábil e financeiro não apresentando mais os repasses do Orçamento da Seguridade Social para a previdência Social. O Fluxo de Caixa do INSS transformou-se numa farsa mentirosa.

 

É dessa maneira que o Governo Federal cria a mentira do déficit da previdência, ou seja, omitindo dados financeiros constitucionais e desviando os recursos para o pagamento dos juros da dívida pública, ou seja, os encargos financeiros da União estão sendo pagos com dinheiro das politicas sociais da Seguridade Social.

 

Os recursos da Seguridade Social que deveriam ir para a Previdência são excluídos do Fluxo de Caixa do INSS e subtraídos do saldo financeiro final. Daí é criado o chamado déficit. Isso começou no ano de 2015 e continuou nos anos seguintes. O Governo Federal excluiu essas informações com a clara intenção de fazer a população brasileira acreditar que a Previdência tem déficit. Mentira!

 

O cálculo do déficit que o governo divulga é uma fórmula simplista e conceitualmente errada, pois faz somente a subtração da arrecadação líquida com o total de todos os benefícios previdenciários, não levando em conta os repasses do orçamento da seguridade Social.

 

Os repasses de dinheiro da Seguridade Social garantem o equilíbrio financeiro da Previdência. Sendo assim, a COBAP exige transparência das informações da Previdência Social e denuncia essa manobra do Governo para denegrir a imagem do sistema.

 

Assessoria econômica da COBAP